Namorar mulher em

Transpire confiança. Se quiser mesmo namorar uma mulher mais velha, você precisa estar seguro sobre quem é. Se você tiver baixa auto-estima, ou sentir que não se sairá bem em um relacionamento amoroso, você encontrará muita dificuldade no namoro com uma mulher mais velha. Se você já está namorando uma mulher com filhos ou se você está querendo namorar uma, precisa aceitar o fato de que já existe uma família envolvida no processo e você não está entrando em um relacionamento típico como as demais pessoas costumam fazer. Ola boa tarde eu sou um jovem que procura uma mulher que queira ganhar umas horas de limpeza em minha casa zona de Leiria Pombal so peÇo descriÇao obrigado bjs. Inserido em: 09-Set-2020. ola a todas mulheres gordinhas . Sou h de 58 anos procuro na z leiria gordinha para aventura dou ajuda . Total sigilio Em um texto que cita desvantagens de namorar uma mulher mais nova, por exemplo, aparecem coisas como “Você tem responsabilidades corporativas que ela não tem”, “O homem precisa progredir, não regredir”, “Você vai ganhar o apelido de tiozão”. No mínimo, bizarro. Como Conquistar Uma Mulher Para Namorar? Amiga ou Desconhecida… A primeira coisa que você precisa saber é que, chegar em uma mina para ficar é um pouco diferente de pedir uma mulher em namoro, claro que a conquistar de uma mulher para um relacionamento passa pela fase de ficar. Apoie-a nas coisas que ela quer fazer. Não a desencoraje só porque sente que é você quem não está em condições de acompanhá-la, namorar uma mulher da terceira idade às vezes implica em descobrir que ela pode ter mais energia e disposição que você. Mulher procura homem para relacionamento em São Paulo e Brasil (idades 25 a 60) Se está a pensar em namorar uma casada infiel então este artigo é o ideal para si. De certeza que faz parte daqueles homens que acredita realmente de que é mais fácil namorar solteiras do que namorar mulheres casadas.. Bem, nós estamos aqui para lhe provar de que não é bem assim. Pedido de namoro: dicas para pedir uma mulher em namoro. Antes de ler esse artigo, tenho uma pergunta para você: ... Em tese, parece uma tarefa simples, mas não é bem assim. Simplesmente dizer “Quer namorar comigo” pode parecer infantil e simples demais, já uma super produção para fazer o pedido pode soar cafona e até dramático. Encontre namoro em Moçambique. O cantinho onde você vai conhecer o amor da sua vida! conheça novas pessoas, partilhe momentos e diga adeus à solidão. Encontre moçambicanos residentes em Moçambique e outros espalhados em de todos os cantos do mundo, que procuram a felicidade ao seu lado! Registar Agora

Terminei um namoro por causa de fetiche com porra.

2020.09.24 00:22 gabiapreta Terminei um namoro por causa de fetiche com porra.

Nem sei como começar isso mas prefiro desabafar aqui do que acabar mandando mensagem pra ele... Comecei a namorar em março um garoto que conheci no Tinder em dezembro do ano passado, mesmo conhecendo ele a menos de 1 ano, com a quarentena acabamos ficando muito próximos e estava bem envolvida...
Eu curto BDSM e a gente fazia sessões de D/S na cama, durante as sessões ou mesmo em algumas situações no dia a dia dava muito tesão obedecer, mas ele tem um fetiche muito forte em me fazer engolir e isso é uma coisa que (além de exigir preparação) eu nunca tinha feito com ngm. Depois de algumas tentativas percebi que não consigo fazer isso sempre, mas ele continuou insistindo e forçando, quase exigindo que sempre que eu chupasse eu engolisse a porra dele...
Ele ficou insistindo tanto que começou a me brochar mais e mais, toda vez que estávamos transando ele dava um jeito de trazer essa pauta... Cara, eu amo ele, a gente tem uma sintonia gostosa, trocamos muito mas ele ficou realmente obcecado com esse fetiche. Ele tem alguns transtornos depressivos e parou a medicação recentemente, fiquei pensando se isso não tinha ligação, tentei ser compreensiva e até banalizei o fato dele querer me forçar a fazer algo que eu claramente não gosto... mas enfim, ontem tivemos uma briga que ficou evidente que "se eu não fizesse ele ia buscar outra pessoa ou uma prostituta que faça".
Eu fiquei bem puta.
Fiquei puta porque ele jogou fora tudo o que a gente tinha por um fetiche, enche o cu de maconha e acha que pode falar o que quiser pra qualquer um, se acha superior a todo mundo e tem discurso de gamer-incel que sofre por mulheres 2D. (Ele chegou a dizer que eu não engolia mais "pq eu não o via como Chad" "pq eu sou secretamente lésbica" e o melhor foi " não engulo porque não respeito a semente dele")
Estou escrevendo isso e rindo de desespero, terminei com ele ontem depois de perceber o absurdo dessa discussão...
Eu mulher (25) ele homem (24).
submitted by gabiapreta to desabafos [link] [comments]


2020.09.21 21:53 9edro Eu daria tudo por mais uma migalha de felicidade

Basicamente eu joguei minha vida fora quando fiz 18, escolhi fazer facul e pulei num FIES e agora vou ter 100k de dívida quando formar, tô desempregado por causa da pandemia tenho um note muito merda mas me dava felicidades em jogar um pouco, mas nem isso da dando mais, sem me diverti jogando Minecraft e quando eu tava trabalhando eu até tinha um realm jogando com meus amigos, e agora eles pegaram pra pagar mas ainda assim, não tenho mais vontade jogar, tenho poucos amigos mas são verdadeiros e ainda sim não consigo contar o que tô passando pq já passei por muitas e sinto tô só me fazendo de coitado pra eles, não consigo terminar nada por causa de uma síndrome do impostor do caralho e não consigo namorar ninguém pq não consigo confiar em outra pessoa, já perdi pessoas incríveis por causa disso mas fico feliz, as duas mulheres na qual queriam namorar cmg hoje namoram com pessoas melhores do que eu com toda certeza, a gnt ainda conversa as vezes, me sinto burro e incapaz na faculdade e só não tomei DP ainda por causa de um amigo que me carrega em todo seminário que aparece, todo dia eu acordo mal e cada dia engordando mais pq não tenho ânimo nem pra voltar pra academia, que me deu muita alegria antes, nós meus 15-16 eu ia pra academia, corria de manhã e jogava basquete na escola, era uma pessoa ativa e tava em forma, agora com meus 22 eu sinto que sou só um lixo acumulado cada vez mais, poderia falar o dia todo mas acho que esse textão já me ajuda a tirar um pouco do peito do que sinto.
submitted by 9edro to desabafos [link] [comments]


2020.09.19 00:24 Hir4i Eu sou gay e namorando, mas meu namorado pode ser trans

Eu estou junto com ele faz alguns meses já, eu realmente amo ele... Eu realmente acho que ele é o cara da minha vida, eu amo ele mais que tudo... Mas ele vem questionado se ele pode ser trans ou não... Normalmente tudo ficaria tranquilo mas... Eu sou completamente 100% gay... Eu não sei se eu conseguiria continuar com ele... Mas isso me dói tanto... Tanto... Eu amo tanto ele mas eu simplesmente não consigo namorar uma mulher... Eu não quero que isso acabe também... Eu tô em um desespero tão gigante porque eu não quero perder ele... Ele foi a primeira pessoa que realmente me mostrou amor e agora tudo pode acabar por causa disso... Ele falou que vai ignorar esse sentimento mas eu não sei se isso vai afetar ele... Eu quero ele BEM, mas ao mesmo tempo eu não quero perder ele...
submitted by Hir4i to desabafos [link] [comments]


2020.09.17 00:42 Enscie Como namorar uma mulher mais velha?

Pow tenho 24 anos, estudo e trabalho... Mas gosto de mulheres mais velhas tipo uns 35 a uns 42, pra não ter muita diferença de idade... E ai queria namorar uma nessa faixa de idade, e nem é fetiche... Ja fiquei com duas mulheres dessa idade e conversa, química e sexo bateu bem melhor... Queria arrumar, mas nem sei onde... Uma foi num chat da net, mas muito sorte mesmo ter achado... outra foi no ponto do ônibus... mas nem sei se arrisco algo assim hoje em dia... Dicas? ideias e tal?
submitted by Enscie to desabafos [link] [comments]


2020.09.15 22:24 keeponwalk1ng Sou homem, tenho 25 anos e sou virgem

Sempre fui muito, muito fechado até meus 18 anos. Até essa idade eu só tinha beijado na boca duas vezes, sendo a primeira aos 15. Quando completei 18 anos, mudei da água pro vinho e comecei a ter amigos, a sair, etc, e apesar de eu ser feio, algumas meninas bem bonitas se interessavam em mim e eu nunca ficava com elas por alguns motivos: 1) por serem muito bonitas pra mim, 2) por terem bem mais experiência que eu e 3) pelo risco de contarem pros meus amigos que eu não sabia transar. Nosso círculo de amizade era grande, então a fofoca rolava solta. Sempre que um amigo ficava com alguém, ouvíamos dos dois lados os detalhes da ficada. Então não era achismo meu. Com certeza alguém comentaria como foi, e se minha inexperiência ficasse óbvia (que acredito que ficaria), acabou pra mim. Por puro acaso, conheci uma garota de uma cidade a 3h da minha, e nos apaixonamos. Mas ela tinha 17 anos e eu 18, então eu tinha medo de irmos no motel e pedirem a identidade dela. É uma coisa boba, mas foi o que impediu que fossemos. Então namoramos 6 meses só beijando na boca mesmo. Terminado esse namoro, eu já com 19 anos, acabei entrando pra igreja e comecei a namorar 1 ano depois. Todo mundo sabe que, em tese, na igreja só transa depois do casamento. Eu e minha namorada realmente acreditávamos na religião, então nunca transando durante nosso namoro. O problema é que nosso namoro durou 5 anos. Terminamos há 6 meses por motivos à parte, íamos nos casar nesse ano mas o relacionamento não estava bom. Agora eu tenho 25 anos e sou virgem. Saí da igreja há 3 anos já, mas não ia pra festas porque preferia ficar com a namorada. Agora solteiro, até conheço umas garotas que ficam a fim de mim, mas eu me autosaboto e não transo pelo mesmo motivo da inexperiência. Eu já fui em um puteiro pra resolver esse problema de uma vez, mas broxei hahaha. Passei 1h conversando com a mulher várias coisas aleatórias e depois fui embora. Desde então eu estou tão encanado com isso que nem vontade de transar eu sinto mais, sendo que quando eu namorava o negócio era doido, tinha muita vontade todo dia. Hoje passo semanas sem nem vontade. Eu tinha 4 contatinhos, mas todas desistem de mim porque mostram interesse, mas eu sumo. Não chamo mais pra sair, não chamo pro motel (mesmo recebendo indiretas bem diretas). A insegurança é foda e não vejo solução. Lembrando que essas não são garotas que são apaixonadas por mim, elas só querem algo casual. São o tipo de meninas que se o sexo for ruim (e acho que vai ser), vai me bloquear de tudo e postar no Twitter alguma indireta sobre isso. Eu comecei a namorar aquelas duas garotas porque achei que elas teriam mais compreensão, e as duas realmente teriam, mas nunca chegamos nesse ponto e agora não tenho nem ânimo de arranjar uma nova namorada que vá ser compreensiva. Nem sei se existe, com minha faixa de idade. Enfim, só quis desabafar.
submitted by keeponwalk1ng to desabafos [link] [comments]


2020.09.15 05:44 XimiraGelo Pressão pra Namorar

Eu tenho 24 anos e nunca namorei. No meu círculo de amigos, eu sou o único que ainda está solteiro, e com isso eu me sinto pressionado em ter que namorar logo. Sei que isso é paranóia da minha cabeça apenas, mas isso está me afetando muito negativamente, porque por conta dessa "pressão", eu fico com muita carência emocional. 1 semana falando com uma mulher e eu sempre já acho que estou apaixonado e entro de cabeça na relação achando que é recíproco, e acabo estragando tudo.
submitted by XimiraGelo to desabafos [link] [comments]


2020.09.13 00:37 Enscie Relatos de um abuso e sua opinião!

Vou contar algo que rolou a anos comigo e pode estar me afetando...
Quando eu era pequeno sofri abuso psicológico... pela professora! No ensino inicial eu gostava de uma menina e sempre ia pedir ajuda dela mesmo que não precisasse, para me deter a professora usava de argumentos de por em um quarto escuro onde um bicho iria me comer, e isso me gerou uma porção de pesadelos na época, mesmo assim ainda ia atrás da menina até ir parando por causa das ameaças e me por sentando sem o mínimo de pedagogia... Até que passei a não querer ir para a escola...
No segundo ano da escola, segunda serie era outro colégio e alguns amigos da antiga primeira serie... Tinha alguns "amigos", eu continuava ajudando todos na sala e tal, e era feliz assim... Mas um dia fomos brincar num canto mais escondido do pátio... Anos depois cercaram essa área... mas nesse dia brincamos normal e tal, e fomos ir brincar mais e mais lá, até que começou as agressões em forma de empurrão, jogar no chão e prender num espaço que tinha uma espécie de gaiola de gás... Um dia me jogaram no chão e um deles puxou meu cabelo... E pegou meu rosto e passou na região do pênis dele por cima do calção... E outro veio e fez como se fosse sexo de quatro comigo e isso durou alguns dias... mas me lembro apenas de um... Até que um dia eles até deixavam o pênis ereto e eu sofria muita humilhação tipo ter que carregar eles nas costas de quatro... Fingiam sexo de quatro e esfregar minha cara no pinto deles por cima da cueca... Sei que isso não é muito comparado a quem foi estuprado com penetração e tal... Mas me afetou negativamente pois nunca confiei num amigo como deveria... Poiis os mesmo iam em minha casa e fala pra minha mãe "que era amigo"... Em fim passei anos odiando ir para a escola sem meus pais saberem disso... eles só souberam da agressão que me fez ficar paralisado durante um dia e usar colete...
Isso me deixou com confusão sobre sexualidade, sabe? Aos meus 17~18 conheci pornografia de trans e gostei, e depois de um tempo comecei a fazer estimulação anal e tal... Mas sempre me trouxe uma insatisfação... As vezes penso pq cresci ouvindo ser gay dos "amiguinhos" e dos abusadores ouvia que eu "gostava" daquilo sabe...
Aos 22 quando comecei a namorar uma menina BI, eu achei que podia falar sobre tudo com ela... e até praticamos inversão... E no fim isso não me dava satisfação... tinha a vontade de fazer, mas não me satisfazia... No fim até como ativo eu passei a me sentir insatisfeito até por ter um problema de EP...
Quando namorava, chegou uma época que queria ficar com um homem... para poder saber se era o que eu queria... e minha Ex queria até ajudar nisso, mas só de imaginar eu sinto nojo de pensar em beijar e tal... Até com trans eu sinto um nojo interno, não sendo preconceituoso... Mas existe aquela vontade e excitação seja com o pênis ou com a trans... Isso talvez seja um fetiche não sei...
Se alguém puder me ajudar, eu agradeço... Tenho 24 anos... E não me sinto bi, mas gosto de mulher e até posso desejar as vezes uma trans ou cara... mas não é o que quero pra mim, até pq também sinto o nojo sabe.
No fim acho que namorar uma BI e Ter sofrido isso mexeu com minha ideologia...
submitted by Enscie to desabafos [link] [comments]


2020.09.11 22:06 GhostDogg95 Friendzone

Eu e a menina nos conhecemos e começamos a conversar, ao longo de alguns meses a amizade fica muito boa, então descobrimos que tínhamos mais que um simples interesse em amizade, depois de uma longa manhã onde ela mostrava as provas de "sinais" de interesse durante os meses passados os quais eu não percebi, decidimos tentar um webnamoro(moramos a 800km um do outro, somando com a quarentena e outros fatores, era a solução). Depois de 1 mês, ela acha melhor terminarmos antes que nossa amizade, que é muito boa, acabe. Desde o começo ela sempre falou que não tinha planos para relacionamentos, eu tbm não, mas cometi o grave erro de me apaixonar por ela, mesmo sabendo que nunca ia dar certo entre nós, eu continuava sempre flertando com ela, quem sabe ela mudava de ideia e voltássemos a namorar, mas tudo em vão, a amizade apenas aumentou, fui percebendo cada vez mais que nossas diferenças eram gritantes, eu sou um pé rapado que não tem onde cair morto, ela tem vida de princesa, literalmente, condições financeiras seriam o primeiro empecilho, vida sexual seria o segundo, ela com a mente aberta e eu fechado... Hj eu percebi que ela só me vê como um amigo, talvez um melhor amigo e nada mais, me dói quando eu vejo ela falando sobre outros caras, quando ela dorme com eles, os antigos namorados e ficantes. Não sei mais o que fazer, queria me distanciar pra não me machucar mais, mas ao mesmo tempo eu amo conversar com ela. Já tentei superar ela conversando com outras mulheres mas não é a mesma coisa que com ela. Realmente cheguei num beco sem saída, não sei mais o que fazer, superar esse amor unilateral? Continuar tentando e me ferindo nessa caminhada onde já imagino o destino final? Ao mesmo tempo que me arrependo de ter conversado com ela, eu agradeço de ter ela como uma pessoa na minha vida.
submitted by GhostDogg95 to desabafos [link] [comments]


2020.09.10 23:51 Helamaa 😳👉🏻👈🏻

a carência tá imoral e eu tô procurando uma namoradinha, se vcs conhecerem alguma mina que tenha esses requisitos, me avisem redpillada channer, dogoleira, wgtow, ancap, , jogadora de poker, bv, virgem, sem amigos, crente, fã da UDR,magrela, footlet,escuta Chico Buarque, weeabo, hikkimori, otaku, gameri, hetero,federal,trader de bitcoin,hacker, defacer, cubista, penspinner, recordista de memorização de baralhos, timida, mãe de pet, hidratada, não consumidora de açucar, saudável, youtuber, netolover, pooper, cambista, shitposter, anarquista, materialista, roquista, travesquista, mono talon vlogger, blogueira, e-girl, intolerante a lactose, intolerante a gluten, grinder e hipnóloga, fiel, niilista existencialista, metaleira, headbanguer, pelo no suvaco, patriota, masoquista, ballbuster, jogadora de minecraft, buceta fedida, que não tenha medo de chuta minhas bolas pelo amor de deus eu nao consigo encontrar uma menina pra chutar minhas bolas por favor deus eu imploro nao agusnto mais isso nao eh um meme porque voces tem medo de me chutar no saco. Raça: nórdica Altura: 170cm+ Pele: 1 ou 2 (Fitzpatrick) Olhos: 7+ (Martin) Cabelos: qualquer cor, mas apenas lisos ou ondulados (FIA) Nariz: reto ou virado para cima Crânio: dolico ou mesocefálico Óculos: não Aparelhos: não Queixo furado: não Covinhas: não Orelha presa: não Orelha de abano: não Franja em V: não Pelos no corpo: muito pouco Tatuagem: não Graduação: apenas cursos voltados à pesquisa Faculdade: apenas bem conceituadas Habilidades matemáticas: sim Idiomas: fluência em inglês e mais outro idioma Álcool, cigarro, drogas: não, nenhum Personalidade: introversão Cultura: europeia ocidental RELIGIÃO: Cristã Ortodoxa Gostar de escutar rogério skylab:
Para ser sincero, você precisa ter um QI muito alto para entender Rogério Skylab Para ser sincero, você precisa ter um QI muito alto para entender Rogério Skylab. O humor é extremamente sutil e, sem uma compreensão sólida de filosofia moderna, a maioria das piadas vai passar despercebida pelo telespectador médio. Há também a visão niilista de Rogério, que está habilmente tecida em sua caracterização - sua filosofia pessoal se baseia fortemente na literatura de Nododaya Volya, por exemplo. Os fãs entendem essas coisas; eles têm a capacidade intelectual para realmente apreciar a profundidade dessas piadas, para perceber que elas não são apenas engraçadas - elas dizem algo profundo sobre a VIDA. Como conseqüência, as pessoas que não gostam de Rogério Skylab são verdadeiros idiotas - é claro que eles não apreciariam, por exemplo, o humor no bordão existencial de Rogério "Chico Xavier é viado e Roberto Carlos tem perna de pau", que é uma referência criptíca para o épico Pais e Filhos do russo Turgenev. Estou sorrindo agora mesmo imaginando um desses coitados simplistas coçando a cabeça em confusão enquanto as músicas se desenrolam na tela de seu computador. Que tolos… como eu tenho pena deles. E sim, a propósito, eu tenho uma tatuagem do Rogério Skylab. E não, você não pode vê-la. É só para os olhos das damas. E mesmo elas, precisam demonstrar de antemão que possuem um QI com diferença absoluta de no máximo 5 pontos do meu (de preferência para baixo).
Rotina, Habitos e interesses: Nofap + Banho Gelado + comer carne crua + comer virado pra parede + biohack + dormir no chão + Jordan Peterson + mewing + HBD + PUA + jelq + dormir 5 horas por dia + café gelado sem açúcar + hipismo + compilação mitadas Enéas + alho cru + podcast do Joe Rogan + redpill + Brain Force + Jejum + meditação iasd + músicas para concentração, foco e inteligência + teste de QI da internet + grupos de linhagem viking do facebook + ficar longe do poste de internet 4G + youtube do varg vikernes + essência de morango da turma da mônica no narguilé + jogar vape na cara de todo mundo que tentar entrar no bloco da faculdade + 5 segundos de calistenia no deserto do atacama + darkcel + óculos do aécio na foto de perfil + ler quotes do nietzsche no brainy quote + criar galinha no quarto sem os pais saberem + Alho cru + uma colher de azeite quando acorda e outra antes de dormir + jejum de 24hrs a cada 72hrs + assistir VT no premiere logo que chega do estádio + canal Ultras World + LibreFighting + Operation Werewolf + comprar os artigos do Paul Waggener + Centhurion METHOD + humilliation exposure com a finalidade de criar uma crosta na sua mente capaz de desenvolver uma resiliência que resiste à humilhação como se ela fosse nada + tomar banho descalço em chuveiro de academia com chão mijado + musculação caseira + hackear o sono + Empreender + 10 livros de auto ajuda por mês + PUA + Selo super fã da fúria e tradição + Biokinesis + 432hz music + Mexer o pau sem piscar o cú + meditação transcendental + veganismo + minoxidil para cultivar uma barba + filmografia Jason Stataham + assistir vikings + redpill + ir no cinema sozinho + treino saitama + coach quântico + enema de café + dieta lair ribeiro + agua alcalina + O Método de Wim Hof + sabedoria hiperbórea + artigos da Nova Resistência + Biblioteca do Dídimo Matos + dormir virado pra patede assoviando no escuro pra espantar o curupira + dar 3 pulinhos toda vez que levantar da cama + dizer amém quando um 1113 azul passar por você na rua + 100 flexões por dia + 6 meses de jelq + injaculação guiada + sociedade thule + energia vril + chapéu de alumínio para se proteger das armas psicotronicas emitidas pela CIA + caderno de anotações smiliguido + pedir a bênção ao carteiro toda segunda de manhã + 3 horas de academia + 4 horas de corrida + mascar café + exercícios penianos do Dr. Rey + maratona saga Rocky + trilha sonora saga Rocky + trilogia Mercenários + filmes do Jason Statham + assoviar o hino do Palmeiras de ponta-cabeça + intro do Canal do Nicola em loop + palestras do Antonio Conte + vídeos do Rodrigo Baltar + dicas do Gustavo Gambit + aulas de italiano + dormir ouvindo Ultraje a Rigor + ler Walden pelado na mata atlântica de madrugada + ouvir músicas em velocidade aumentada + canto gregoriano árabe + ensinar hino do botafogo pra calopsita + fritar comida com banha de porco + assistir videos de situaçoes de risco com a finalidade de se preparar para o perigo + Terapia Holistica com formandos da UFPR no Jardim Botânico + Radiestesia para harmonizar vibração da casa + Metatron 432HZ no YouTube entoando a oração EU SOU + ler O Código da Vinci + Jesus Quântico + Barra Fixa na praça de madrugada escutando audiolivro do Jordan Peterson na voz do cara dos Fatos Desconhecidos + grupo POPEYE AFIANDO A PIKA + MyInstants AEEE KASINAO + Memes do Fausto Silva + ler O Evangelho dos Animais + stories do Copini no Instagram + Canal SocialGames7 com Gustavo Gambit e CIA + textos de Raphael Machado (Nova Resistência) + ser ex-membro do grupo Comunismo Ortodoxo + Monja Coen + Fazer origami com papel do bis + perder dinheiro com maquina de pegar ursinho + fumar palheiro com o avô + quebrar palito de dente no meio depois que usar + rezar Pai Nosso em aramaico + tentar se comunicar com o ashtar sheran + virar catequista e passar Plínio Salgado para as crianças + Limpeza de 21 dias de São Miguel Arcanjo + arrancar a fimose comendo cu apertado de galinha caipira + Regata branca WifeBeater com calça jeans clara e bota marrom + Ingressar na legiao estrangeira + Comprar toras de eucalipto pra reproduzir o centurion method mas nunca começar o treinamento + vender máquina de cartão de crédito + ler os escritos do Unabomber + Escutar a discografia do Paul Waggener + ler todos os livros do Pavel Tsatsouline + ouvir rap eslavo de cunho político suspeito + café com um cubo de manteiga dentro precedendo a primeira refeição do dia + beber 2L de leite por dia + Stronglifts 5x5 + Dieta Cetogênica + Canal Jason PROJETO GIGA + Cd do TRETA + comprar torre de chopp no prensadão + 2 cápsulas de Tadalafellas antes do sexo + só comprar comida japonesa importada pra dieta + comer arroz sem sal com peixe cru sem tempero enrolado em folha do fundo do mar + memes da página Dollynho Puritano + Deus Vult na capa do Facebook + acessar o dogolachan pelo computador da escola pra postar fanfic gay do Gilberto Barros + Trollar atendentes do mcdonalds no habbo hotel + ligar para o Motel Astúrias perguntar quando custa a bolacha Bauducco que aparece no site + Mandar entregar pizza na Rua dos Tamoios casa n°18 com portão vermelho + cosplay de russo no Omegle pedindo pra mostrarem a bunda + Dormir imaginando uma linha pra fazer viagem astral + recitar Homero pra mendigo + tomar antibiótico no café da manhã + Meditar imaginando o raio de luz violeta que representa a energia transmutadora + Workshop Reiki do Canal Luz da Serra MULHERES TERRAPLANISTAS RALEM.
Primeiro de tudo! Vai tomar no cu, MULHERES terraplanistas! Junto com todas que me contrariaram nos últimos meses falando "dur hur você não sabe nada de paleontologia, vai assistir seus desenhos filipinos e não encha o saco". TODOS OS DINOSSAUROS TEM PENAS! LERAM DIREITO? TODOS OS DINOSSAUROS TEM PENAS! A farsa ficou tão óbvia, que eles não tem mais como esconder que TODOS OS DINOSSAUROS TEM PENAS! Alguns mais penas, outros menos penas, MAS TODOS TEM. E aproveitando no mesmo vídeo, NÃO TEVE METEORO PORRA NENHUMA! Provavelmente as mudanças climáticas naturais, junto com a separação gradual dos continentes, é que extinguiu a mega-flora e a mega-fauna. E se teve algum meteoro, apenas acelerou o processo em uma região muito especifica. Agora só falta as ((especialistas)) e a (((Academia))) admitir que dinossauros nunca existiram e que foi tudo um erro grotesco de interpretação de pessoas que não sabiam que caralhos eram aqueles esqueletos. São apenas aves e mamíferos ancestrais de milhões de anos atrás. E antes que eu me esqueça, vai todo mundo que me contrariou tomar no cu!
GOSTAR DE MIM POR QUEM EU SOU E NAO PELA MINHA APARENCIA
Sério, de verdade, ser uma pessoa bonita não é fácil em nossa sociedade atual; não é só os olhares de desejo das mulheres e dos homens que me incomoda, e sim, o fato de ser só isso para as pessoas. Sou muito mais que apenas um cara bonito. Tenho qualidades além dessas, e saber que as pessoas não ligam para elas, pois estão entorpecidas de anseio pela minha formosura, me entristece muito.
Não suporto mais ser bonito. Tudo que eu queria era poder nascer de novo num corpo de uma pessoa feia, pois sério, vocês não sabem como me dói saber que por culpa de algo que nasceu em mim (a incrível beleza), serei rotulado eternamente por isso.
Eu trabalho, estudo, procuro, conheço, aprendo! Sou um ser-humano como qualquer outro e não só mais um rostinho bonito.
Pergunta antes de eu poder te namorar: Você é ocultista?
Essa é a pergunta de um milhão de dólares que raramente vejo sendo feita.
Se você ainda não for, pra se tornar minha namorada precisará ser e aqui está como fazer isso
É fato que a maior parte da literatura especializada ocidental acredita em Deus e Cristo, somente olhando-o por uma lente diferente. Não há um ritual que lhe aproxime de Deus, as coisas raramente são tão simples. Entretanto, com estudo e meditação o caminho começa a ficar mais claro.
Entenda que não sou nenhum senhor da verdade, e o que te falo hoje posso descobrir ser mentira amanhã. Saiba também que um dos maiores problemas desse meio é a falta de um início claro, sendo as obras tidas como introdutórias porcarias completas. Dito isso, lhe respondo o seguinte:
  1. O caminho mais completo para se aproximar do que você quer começa com noções do pensamento Helênico. Entenda que boa parte da visão de mundo cristã vem da antiguidade clássica, principalmente as noções de harmonia e belo. Não te peço para ler tudo o que já foi jogado ao chão pelos gregos, mas saiba um pouco das origens das coisas. Tenha uma ideia básica dos quatro humores gregos, e que essa é uma das origens para atribuirmos personalidades aos elementos da natureza. Entenda um pouco dos seus deuses e Cosmos, porque eles serão utilizados no futuro de forma metafórica em textos. Saiba que quando aparecer um hermafrodita em um texto especializado não há conexão com desvios modernos, mas com um simbolismo mais antigo (Salvo engano, sua origem é Platônica. Mais especificamente, O Banquete, durante os discursos sobre amor).
  2. Entenda que boa parte da origem da magia ocidental vem da confluência da cultura grega com a egípcia, incluindo a alquimia. A tábua esmeralda é um texto obrigatório. Leia um pouco sobre o Axioma de Maria, A judia. Aprenda um pouco da simbologia alquímica, porque será importante para você no futuro. É dentro da alquimia que irão discursar sem final sobre a trindade (pelo menos os da corrente de Paracelso). Não se pretenda nenhum mestre dos espagíricos, porque os químicos farão isso melhor do que você. Entenda que não havia essa separação absoluta entre o material e o espiritual, então os dois conhecimentos andaram juntos ao decorrer da história. Entenda também que haviam escritores voltados especificamente para a alquimia espiritual, enquanto outros à química.
  3. Estude a Cabala. Eu entendo que para alguns seja difícil dar atenção à Cabala Judaica com o surto conspiracionista chanístico sobre a índole de todo um povo, mas querendo ou não o judaísmo é o Pai da fé cristã, sendo Jesus judeu. Entenda que a árvore da vida é um estudo sobre Deus e suas emanações, e dela virá uma boa parte de seu conhecimento.
  4. Leia as coisas atuais sobre o assunto. Dê atenção aos escritores herméticos, principalmente.
Ocultismo é um saco, pelo menos se você for estudar seriamente. Você pode perder a vida se tiver um projeto ambicioso como se aproximar de Deus.
Você também pode pular algumas etapas no que te falei. Sobre a parte do pensamento grego, saiba que boa parte é "dispensável". Dito isso, recomento que entenda um pouco sobre o funcionamento do Cosmos de Ptolomeu. Entenda também alguns dos símbolos planetários, porque seu entendimento irá lhe ajudar no futuro.
Pra me namorar também tem que gostar dos animes:
Akame ga Kill! Akarui Sekai Keikaku Ana Satsujin Asu no Yoichi! Azumanga Daioh Balance Policy Black Cat BlazBlue: Remix Heart Chichi ga Loli na Mono de Choujigen Game Neptune: The Animation - Dengeki Comic Anthology Come Come Vanilla! Criminale! Dog Style Domina no Do! Eden no Ori Evangelion Fullmetal Alchemist K-on! Naruto Shingeki no Kyojin Yu-gi-oh
Sobre assistir Yu-gi-oh; quando eu era adolescente, gostava (na época que passou na TV Globinho e era moda), mas hoje em dia não gosto mais; então não assistiria de novo.
Quanto às minhas lembranças marcantes de Yu-gi-oh:
Em 2003, Yu-gi-oh era moda e todo mundo na escola da quinta e da sexta série jogava com cartinhas piratas, já o pessoal da sétima e da oitava não se interessava. A propósito, em 2003 tiveram duas grandes modas de brinquedos baseados em animes, cartinhas de Yu-gi-oh e Beyblade. Outro brinquedo que todo mundo da quinta e da sexta série levava pra escola em 2003 depois que passou a moda de Yu-gi-oh e começou a moda da Beyblade era a Beyblade.
Outra lembrança marcante que tenho de Yu-gi-oh é que em 2003 na escola o pessoal criava suas próprias cartinhas, fazendo desenhos e estatísticas.
Fujimura-kun Mates Gantz Gou-Dere Bishoujo Nagihara Sora♥️ Higurashi no Naku Koro ni Kai: Matsuribayashi-hen Hitsugi no Chaika Ichigo 100% Ichinensei ni Nacchattara In Bura!: Bishoujo Kyuuketsuki no Hazukashii Himitsu Jigokuren: Love in the Hell Jinzou Shoujo JoJo no Kimyou na Bouken Part 4: Diamond wa Kudakenai JoJo no Kimyou na Bouken Part 5: Ougon no Kaze JoJo no Kimyou na Bouken Part 6: Stone Ocean JoJo no Kimyou na Bouken Part 7: Steel Ball Run Kaibutsu Oujo Lucky☆Star Mahou no Iroha! Mahou Tsukai Kurohime Monster Hunter Orage Mujaki no Rakuen Needless Zero Nyotai-ka Onihime VS Oretama Perowan!: Hayakushinasai! Goshujinsama♪ Re:Marina Rosario to Vampire Saitama Chainsaw Shoujo Sankarea School Rumble Shingetsutan Tsukihime Shocking Pink! Shurabara! Sora no Otoshimono Sora no Otoshimono Pico Akame ga Kill! Ana Satsujin Asu no Yoichi! Azumanga Daioh Balance Policy Black Cat BlazBlue: Remix Heart Chichi ga Loli na Mono de Choujigen Game Neptune: The Animation - Dengeki Comic Anthology Come Come Vanilla! Dorohedoro Nekopara Pet Toaru Kagaku no Railgun Magia Record: Mahou Shoujo Madoka☆Magica Gaiden Rikei ga Koi ni Ochita no de Shoumei shitemita.Rikei ga Koi ni Ochita no de Shoumei shitemita. Isekai Quartet 2Isekai Quartet 2 Ishuzoku Reviewers Somali to Mori no Kamisama Eizouken ni wa Te wo Dasu na!Eizouken ni wa Te wo Dasu na! Itai no wa Iya nano de Bougyoryoku ni Kyokufuri Shitai to Omoimasu.Itai no wa Iya nano de Bougyoryoku ni Kyokufuri Shitai to Omoimasu. Jibaku Shounen Hanako-kun Haikyuu!!: To the TopHaikyuu!!: To the Top Darwin's GameDarwin's Game Kyokou SuiriKyokou Suiri Plunderer
PRE REQUISITO: GOSTAR DE FILMES DE FAROESTE.
IMPORTANTE: Se você gosta de filmes de super heroi, pare de ler e va se foder.
Se você é assim, fique longe de mim.
NÃO QUERO AS MULHERES QUE: As que falam palavrões As que fumam As que usam drogas As que postam foto com bebida Que bebem (menos 🍷, isso é coisa de dama) As que vão para balada, festa, rave etc As que postam foto com decote ou sensuais
Há uma coisa que eu quero que você entenda sobre nós os homens.
Quando você colocar uma foto sua nua no facebook, fazendo uma pose gostosa, mostrando os seios ou como vemos em várias fotos mostrando o bumbum ou deitada sedutoramente em sua cama, a única coisa que você faz é que as pessoas tenham desejo sexual por você, claro em A maioria dos casos por parte de homens.
Eu sei que você vai ficar tão emocionada com os 500 likes, 120 comentários e as inúmeras mensagens privadas! Você vai querer postar cada vez mais fotos para se sentir cada vez mais no topo.
Mas há algo importante que você precisa saber:
Na verdade nenhum desses caras que gostam, comentam ou enviam mensagens privadas te ama. Tudo o que eles querem é usá-la e depois atirá-la para o lixo, para ser honesto nenhum deles a levaria para sua casa para ser sua esposa, acredite em mim, você para eles não é mais que uma menina de programa em busca de popularidade barata No Facebook.
Os homens ricos os que tem o que você procura "dinheiro" ou os pobres admiram as mulheres que se vestem com decência e se respeitam. Uma vestimenta decente que não revela muito o seu corpo, leva-os a amar e a respeitar-te, isto a simples vista nos diz que és uma mulher virtuosa, alguém a quem se pode levar para casa para ser esposa e mãe.
Isto em muitos casos diz-lhes que você foi criada com princípios morais e lhes dá detalhes do seu bom histórico familiar.
Eles não se preocupam muito com a maquiagem excessiva, uma mulher digna de propor casamento sempre se distingue do monte, não importa como.
Valoriza seu corpo, lembre-se que para encontrar diamantes é preciso cavar, respeita, e um verdadeiro homem vai te respeitar de um modo ou de outro.
Mas você terá muito respeito: Mulher, não mostre seu corpo no facebook, você não sabe que tipo de pessoas, venha suas coisas, você é uma mulher bela, não precisa de fotos, nem mostrar tanto, você pode conquistar com sua simpatia, com seu educación con seu sonrrisa,
As que já ficaram com amigos seus, ou que ficam com mais de 3 em um único ano As que não trabalham ou estudam (ou que estão em um curso irrelevante de humanas) As que não sabem o básico de uma casa, como lavar, passar roupa, cozinhar, trocar fralda, etc As interesseiras As que estão pedindo presentes sempre As que já estão comprometidas As não gostam de crianças ou dizem que não querem ter filhos (pessoas que não querem ter filhos não são confiáveis) As que tem piercing de bufalo
submitted by Helamaa to smurfdomuca [link] [comments]


2020.09.10 22:12 TheGoldenMorn A garota dos meus sonhos

Bom, eu não sei exatamente como desabafar isso, mas vai assim mesmo... Tive uma amiga da escola pela qual me apaixonei quase 15 anos atrás. Ela sempre foi uma pessoa muito boa, engraçada, uma voz tão bonita e doce, eu me sentia muito bem ao lado dela. Ela também se apaixonou por mim (com todas as letras, até pediu pra uma amiga em comum falar pra mim), mas eu era tão tapado, ansioso e sem tato com as mulheres que eu simplesmente ignorei isso. Continuamos amigos, bem próximos, até que mudei de escola. Daí em diante, me peguei sonhando com ela com uma certa frequência. Minha vida seguiu, arrumei uma namorada na nova escola, entrei na faculdade, terminei com minha namorada, chamei essa amiga dos meus sonhos pra sair e, novamente, não fiz absolutamente nada. Eu tento não me culpar por ter sido tão tapado até uns tempos atrás com as mulheres, eu realmente tive uma infância bem fechada e sempre sofri de ansiedade, o que me atrapalhou DEMAIS na hora de dar em cima de garotas, mas enfim, vida que segue... Perdemos contato, eu comecei a namorar uma outra menina, tivemos um filho, essa garota dos meus sonhos se tornou dentista e meu filho se consultou com ela. Depois eu terminei com a mãe do meu filho e reparei que a minha "dream girl" me excluiu de todas as redes sociais. Tentei seguí-la no Instagram, mas ela recusou a solicitação, não que eu estivesse querendo usar ela como muleta emocional, jamais iria querer isso pra ela, enfim...
Vida que segue, eu diria, não daria muita bola se ATÉ HOJE ela não saísse dos meus sonhos. Literalmente. E é horrível, sabe? Os sonhos são maravilhosos, neles a gente volta a ter a interação que tínhamos na escola, só que a gente se gosta, se beija, passeia e eu sou feliz. Tenho uma vida, sustento meu filho, tenho emprego, as pessoas gostam da minha presença... De algum modo, meu cérebro associou ela a coisas boas, realizações, uma vida que eu nunca consegui ter. E eu continuo sonhando com ela, com os sentimentos que tive naquela época e me dói demais, porque eu sei que é só um sonho. Me esforço pra me manter lá, mas mesmo naquela realidade eu sinto dentro de mim que tô só sonhando, preso numa ilusão. Acordo triste, irritado, frustrado comigo mesmo. Às vezes choro.

Hoje, depois de quase um ano solteiro, decidi mandar solicitação de novo no Instagram e ela aceitou. Eu mandei uma mensagem " E aí, como tu tá? :D", achei que ia me sentir bem em ao menos conversar, mas senti raiva de mim mesmo. Raiva por depois de todos esses anos, tudo que já passei, a sombra do que eu já fui um dia, eu ainda mandar uma mensagem pra ela na esperança de que esses malditos sonhos se tornem realidade. Eu só queria que esses sonhos parassem, que eu tomasse rumo na vida, pudesse me reerguer e fosse fazer algo de útil. Mas, isso não vai acontecer. Eles não vão parar e eu vou continuar sendo assombrado pela felicidade de quando tudo isso nunca aconteceu.
submitted by TheGoldenMorn to desabafos [link] [comments]


2020.09.10 15:53 Felipe30_PB Como fazer as garotas virem atrás de mim e não só eu ficar indo atrás delas?

Queria saber como fazer as garotas também investirem em mim? Porque quero encontrar uma pretendente, talvez até alguém que eu possa namorar, seria legal. E na minhas últimas tentativas online as garotas pelas quais me interessei não investiram muito, senti que apenas eu investia e isso foi bem brochante. Não sei como as pessoas conseguem desenvolver relacionamentos dessa forma. Eu desanimo rapidamente com esse aparente desinteresse da mulher.
submitted by Felipe30_PB to relacionamentos [link] [comments]


2020.09.10 15:53 Felipe30_PB Como fazer as garotas virem atrás de mim e não só eu ficar indo atrás delas?

Queria saber como fazer as garotas também investirem em mim? Porque quero encontrar uma pretendente, talvez até alguém que eu possa namorar, seria legal. E na minhas últimas tentativas online as garotas pelas quais me interessei não investiram muito, senti que apenas eu investia e isso foi bem brochante. Não sei como as pessoas conseguem desenvolver relacionamentos dessa forma, eu desanimo rapidamente com esse aparente desinteresse da mulher.
submitted by Felipe30_PB to brasilivre [link] [comments]


2020.09.10 00:44 Alexxis9017 Você também tem dificuldade em arrumar uma namorada ?

Boa noite, eu tenho 26 anos e até agora não consegui arrumar uma namorada. Já consegui ficar com algumas. Mas namorar isso nunca ocorreu. Eu tô tão cansada disso que tô começando a pensar em arrumar um homem e namorar ele. Me entendam, a minha vida toda eu sempre me senti como lésbica. Só que eu não tô mais aguentando a solidão. Pode ser que eu esteja sendo muito exigente também. Só que nenhuma mulher em que eu tentei investir deu resultado. Alguém mais aí tá passando pelo mesmo que eu ?
submitted by Alexxis9017 to arco_iris [link] [comments]


2020.09.09 17:51 -Galactic_Cat- É extremamente difícil ser otimista quando sua vida é uma tragedia

Man, moro num bairro de periferia no interior de SP e tudo q num presta é perto de casa. A 3 quadras tem uma biqueira, no vizinho uma adolescente gravida q fica o dia todo comendo no som, o vizinho de cima usa a casa dele de deposito de reciclagem, a vizinha de baixo deixa 3 filho pequeno fazendo bagunça na rua o dia todo...Tem crescido em mim um sentimento de "anti-pobre" pq gente pouco sucedida sempre mora em periferia? eu sou parte da escoria tbm? num tem futuro em nenhum rosto q olho na rua.
No ensino medio nunca consegui namorar uma mina q gostei, agora pós ensino medio trabalho num lugar q só tem mulher é o lado ruim nisso é q todas namoram/ são casadas...Oq me deixa bolado é q as chances q ja eram poucas agr são inexistentes, n tenho vontade de sair pra cantar meninas, n tenho uma desculpa pra iniciar uma conversa.
Ademais, esses dias brincando com uma colega de trabalho ela disse "n te namoraria nem em outra vida...." minha autoestima sumiu, e pra ajudar todo lugar q chego as pessoas me encaram. Tenho um jeitão meio estranho, cabelo grande, boina, all star....sempre q uma mulher me olhar vou pensar q ta me achando estranho :/
Eu vou em psicolgo mas parece n ajudar, ela n entende oq é ter país separados, sempre ser rejeitado pelos amores, ficar ouvindo musicas repletas de putarias enquanto tenta estudar, ter o ouvido de paió quando tenta ler, voltar do trabalho sujo de farinha e passar na frente da biqueira cheia de traficante usando conjunto adidas de 300 conto...
submitted by -Galactic_Cat- to desabafos [link] [comments]


2020.09.09 15:59 lucas_mendes00 Minha namorada voltou a falar em suicídio e eu nao sei mais oq fazer

Sou o único que sabe disso. Ela simplesmente odeia o próprio corpo e eu indiretamente tenho culpa nisso.
Namoramos a 5 anos e ela sempre colocou uma pressão absurda em si mesma pra ser perfeita para mim, mesmo sem eu pedir, querer ou demonstrar que nao gosto do corpo dela. O corpo dela nao foi um fator pra me fazer gostar dela e nunca foi um fato que me faz amar ela.
Ela desde sempre tinha problemas com o corpo e autoestima. Ela sentia que ninguém ia gostar dela ou achar ela bonita... esse tipo de história td mundo ja conhece. E ela gostava de mim tinha 2 anos desde q nos conhecemos. Isso tudo junto levou a ela se sentir extremamente pressionada de ter o corpo perfeito, ser a "modelo perfeita" apesar de eu sempre deixa claro q nunca quis isso, e q isso nunca foi importante. So que ela nao pensava assim, ate hoje ela se compara com todas as mulheres q eu vejo na rua, de filmes e ate de pornos que eu deixei de ver assim q começamos a namorar. Pra ela nao faz sentido eu ter comecado a namorar com ela sendo q eu via mulheres com corpos "muito mais lindos q os dela em todo lugar".
Temos 20 agora, e no ensino médio por conta de problemas no nosso relacionamento, problemas com os pais em casa, e pressão da escola e para o ENEM, isso tudo somado aos problemas de autoestima que ela tinha levaram uma depressão e ansiedade bem tensa, e isso levou ela a engordar quase 50 kg. Nao tinha uma semana q ela n falava em suicidio, n tinha uma semana que ela nao se cortava, e nao tinha um mes que eu nao tinha um caso q eu saia correndo de casa com medo dela se matar.
O problema disso tudo é muito do sofrimento dela era por causa de coisas do relacionamento incluindo essa pressão em ser perfeita pra mim, ela tinha raiva de mim pq achava q eu paquerava amigas minhas, olhava e desejava o corpo de outras mulheres e muito mais. Coisas que eu nao fazia, e nem faço. E geravam brigas e mais brigas por causa disso, e mesmo assim eu era o amigo mais proximo dela e que ouvia todos os desabafos dela, tanto os que me incluiam, quanto os que nao me incluiam. E receber tanta carga negativa o tempo todo em forma de desabafos é muito dificil, ainda mais vindo de alguem que você ama e quer bem.
Enfim, tudo isso melhorou muito depois que ela fez a cirurgia de bariatrica, mesmo que eu soubesse q so um psicologo ia resolver a depressão e ansiedade dela, a cirurgia ajuda muito. Enfim, com mt dificuldade por conta da cirurgia ela emagreceu de volta os 50kg, esta magra de novo e estava super bem com o proprio corpo, confiante, comprava roupas, saia mais, fez mais amizades... Até a quarentena
Tudo voltou, agora por causa das consequencias no corpo dela por ela ter engordado e emagrecido rapido. Ela voltou a odiar o proprio corpo, voltou a se cobrar, a esconder o proprio corpo de mim, falando que eu so vejo quando for perfeito. Desanimada com a vida. E voltou a falar em suicidio
Eu nao sei oq fazer, todo esse problema me afeta, eu nao consigo ajudar pq me sinto mal, pq sinto raiva dela sentir essas coisas em relação a mim. Me colocando como culpado do sofrimento dela. Me xingando por coisas q n faço. E me sinto muito mal por sentir raiva dessas coisas, sendo q ela n tem culpa disso tudo, ela tem uma doença, depressão n é qualquer coisa, eu deveria estar ali pra ajudar. Ela nao quer ir em psicologo, e ja falei tanto disso q sempre q faço menção a isso ja gera uma briga, pq ela sabe q tem q ir, mas n quer.
Edit: Reforçando que o problema de autoestima nao é a causa da depressão. Isso mais pais e bebida, faculdade, trabalho estressante sao os sofrimentos decorrentes da depressão. DEPRESSÃO É UMA PATOLOGIA. Procure ajuda médica se estiver com sintomas.
submitted by lucas_mendes00 to desabafos [link] [comments]


2020.09.07 23:19 Abarross O que fariam no meu caso ?

Até 2015 eu era uma pessoa normal... Tinha vida social e realmente era feliz... Mas passei por 3 traumas grandes na minha vida!
1 - meu pai ficou doente, tivemos que mudar de estado, deixei amigos, namorada, faculdade, vida social e etc.
2 - conheci uma pessoa nessa nova cidade, começamos a namorar, fomos morar juntos, algum tempo depois a relação esfriou e ela me largou, eu tava apaixonado por ela e foi meu primeiro namoro sério... daí fiquei com raiva das mulheres(generalizei), fiquei com baixa autoestima, complexo de inferioridade, ansiedade e depressao....
3 - meu pai faleceu, acho que arrancar um braço seria menos doloroso que essa perda. Me afundei no cigarro, junto com os problemas do segundo trauma, minha família se afastou um pouco de mim, minha mãe meio que me culpa, não sei o porquê, mas tudo bem!
Atualmente me livrei do cigarro faz um ano, to treinando, melhorei o corpo e um pouco da alma Mas ainda tenho complexo de inferioridade, ansiedade, baixa autoestima, medo do futuro e raiva das mulheres, minha relação com minha mãe e horrível, e pra completar minha mãe virou amiga da minha ex.... e infelizmente dependo financeiramente da minha mãe até receber minha parte na herança.
To sem rumo, sem vontade de fazer nada na vida, sem vida social, sem amigos, sem sexo, sem prazer nenhum.... Minha vida se resume a academia e voltar pra casa e ver YouTube, e to tentando terminar minha faculdade de biomedicina, mas a vontade ta indo embora
To pensando em pegar a grana da herança e ir embora ou pros eua, Portugal, russia... So quero ser feliz de novo.
submitted by Abarross to desabafos [link] [comments]


2020.09.05 06:46 Ejeal Sempre acho que as pessoas não gostam de mim

Tenho amigos, mas nunca acho que eles vão me considerar a primeira opção. Jamais vou conseguir namorar, pq SEMPRE existe outra mulher em jogo e no Brasil existe essa cultura de que é lindo trair, então pra que que vou me dar o trabalho de namorar com alguém se com ctz vai existir uma menina mais bonita ou mais interessante que vai ofuscar tudo o que posso oferecer de bom?
Hoje me retirei de um grupo de trabalho da faculdade, pois achei que não era bem vinda o suficiente e, como o prof pediu um grupo de 6 pessoas e esse tinha 7 comigo, resolvi ser a que pediu pra sair exatamente por me sentir deslocada e acabei me enfiando num grupo onde uma das meninas é extremamente grosseira e militante, do tipo rebelde sem causa.
Me sinto assim em quase todos os lugares, é como se aquele ambiente não fosse pra mim, é como se nenhum lugar fosse pra mim, nem mesmo minha família, nem mesmo meus amigos de anos, nem mesmo o curso que escolhi na faculdade, nem mesmo o emprego que havia conquistado no passado. Enfim, só queria poder me consertar desse ódio que sinto de mim mesma.
submitted by Ejeal to desabafos [link] [comments]


2020.09.04 18:33 DanteStonecross Senta que la vem história

Eu to a algum tempo lendo e comentando coisas nesse /, e eu sempre quis dizer varias coisas aqui, porque de algum jeito eu me sinto confortável de ver essas coisas e todos vocês, mesmo discordando com algumas pessoas aqui e ali ta tudo bem, discordar é normal, faz a gente mais humano.
Mas eu queria muito contar uma história aqui hoje, é uma jornada importante pra mim, e eu espero que vocês gostem de me ver aprendendo uma coisa muito complicada. Nessa história, todos os nomes serão fictícios, e será um resumo muito resumido, então a grande maioria dos fatos não está aqui, mas o que isso tudo me ensinou, você vai poder ver com certeza.
Eu sempre fui um Romântico, e quando eu digo Romântico, eu falo da escola literária, eu não uso aquele português difícil, mas eu enxergo o mundo de uma maneira similar, eu vivo os momentos com as pessoas com intensidade, com muito sentimento, e os momentos seguintes a esses vem a melancolia.
A primeira vez que eu me apaixonei quando tinha 11 anos, o mundo se tornou diferente pra mim, era como se de repente todo o resto fosse preto e branco, e apenas aquela garota fosse colorida(eu tenho essa história contada em um texto, que é o ponto inicial da minha depressão, escrito exatamente como aquela criança enxergava o mundo, se ao final alguém se interessar eu mando sem problemas).
E, perto se fazer 14, em 2013, eu conheci uma garota muito mais do que bonita, ela era simplesmente divina aos meus olhos, ela era tão incrível, ela tinha absolutamente tudo que eu gostava. Eu conheci a Ágata dando aulas de matemática(o que mais um nerd faz?) e algo me chamou muita atenção: mesmo com 13 anos eu já tinha dado muitas aulas pra muitas pessoas e todo mundo tem um limite, todo mundo desiste(pede uma pausa) depois de X questões, mas ela não, mesmo sem entender muitas coisas ela persistia até o fim tentando entender tudo, até o horario dela ir embora ela continuou la, com o caderno e a caneta fazendo de tudo pra conseguir entender.
Bons meses depois Ágata se tornou minha melhor amiga(embora no início ela respondia minhas mensagens a cada 3 semanas, sem exagero!), e mais um tempo depois e muitos conflitos com a família dela, a gente começo a namorar.
Eu ainda não posso explicar o que era a sensação de namorar com ela, ela era literalmente o que todo garoto sempre sonhou: baixinha, cabelo cacheado, um rosto muito agradável, um sorriso lindíssimo, peitos e bunda enormes(ENORMES), cantava feito um anjo, era popular, divertida, extrovertida, dedicada, esforçada... É uma lista de qualidades que, na época, transbordava.
De 2014 até 2019, nós tivemos 3 anos de relacionamento e 5 anos de amizade, e eu aprendi muito mesmo em todos esses anos. O motivo do término do relacionamento(numa versão em resumo do resumo do resumo) foi, principalmente, possessão. Eu tenho um pai que é extremamente possessivo e eu levei 14 anos pra sair das garras deles(ou seja, ainda era recente quando eu conheci ela), e 1 ano depois do namoro ela começou a querer cada vez mais a minha atenção, onde eu não sentia mais liberdade pra fazer coisas que eu queria, porque eu tinha que ficar 3 horas falando no telefone com ela(e eu nem gosto de falar no telefone).
Não me entendam mal, eu não estou dizendo que fui perfeito, que não tive defeitos ou que só eu que estava passando por problemas, acabou porque precisava acabar. Inclusive se você, Ágata, por algum motivo descobriu o reddit e se reconhecer nesse post, saiba que mesmo não mais falando com você e não conseguindo mais olhar na sua cara(história pra outro dia), você pra sempre terá minha gratidão e meu respeito, nós vivemos muitas coisas juntos e, se hoje eu sou um homem, foi você que o moldou, muito obrigado.
Quando isso terminou, eu comecei a conversar mais com uma outra garota que eu conhecia, estudava na mesma escola que a gente, e conforme eu a conheci, ela começou a conquistar cada vez mais espaço no meu coração.
Carol era uma mulher interessante de várias maneiras, ela era extremamente extrovertida, cantava muito bem, tinha muitas histórias pra contar, era uma das pessoas que mais tinham ficado com gente na escola, e principalmente, ela tinha acabado de ganhar uma filinha. O jeito que a Carol olhava pra filha dela me fazia querer estar por perto, não porque ela parecia uma mãe incrível, mas porque havia uma dualidade dentro dela: aquela criança foi concebida de um estupro, onde foi muito difícil aceitar conceber a criança, quando ela nasceu era completamente visível que ela não sabia o que fazer, ela amava mais do que tudo aquela criança, ao mesmo tempo que ela via o homem que fez isso quando olhava pra ela(graças a deus, isso mudou bem rápido).
O tempo passou e eu e Carol começamos a nos dar muito bem, e em meados de 2019 a gente se beijou pela primeira vez, essa foi oficialmente a segunda pessoa que eu beijei na vida e cara, que coisa mais estranha, eu não sabia nem como descrever o que tinha sido aquilo de tão estranho... Até que ela me beijou uma segunda vez, e ai oficialmente, aquele era o melhor beijo do mundo.
Eu e Carol ficamos mais algumas vezes, e a gente se dava muito bem em tudo, até na cama era muuuuito diferente do que era com a minha ex, e a gente fazia tantas coisas juntos, viamos animes, conversavamos sobre varias pessoas, saíamos pra comprar roupas...
Cada dia que passava o meu sentimento só aumentava, e quanto mais ele aumentava, mais coisas que eu achava incríveis aconteciam, como a gente ver as coisas abraçadinhos, ficar de mãos dadas, varias dessas coisas de casal.
O meu erro? Carol desde o inicio falou "Não se apaixona por mim, eu não me apaixono por ninguém". Eu segui essas instruções o quanto foi possível, mas cara, talvez fosse loucura minha, mas parecia muito que ela também estava apaixonada, não com palavras porque toda vez que eu mencionava ela mudava a expressão e o jeito por um tempinho, mas as atitudes dela, os nossos momentos...
Depois de um tempo, no inicio desse ano, eu tentei cortar a Carol da minha vida torcendo pra que resolvesse meu problema, e deu certo por 1 mês até que ela me mandou mensagem perguntando quanto tempo isso levaria. Eu dei o meu melhor e coloquei todos os meus sentimentos em um texto, cada palavra continha tudo que eu sentia por ela, e ela também fez um texto de volta pra mim, e eu pude sentir o que ela sentia também, ela queria ser só minha amiga, e nada mais.
Nós ficamos mais 3 ou 4 meses sem nos falar até que, por intermédio de uma amiga em comum, a gente voltou a se falar e, desde então eu vi Carol mais umas 3 ou 4 vezes, mas é tudo muito estranho, a gente troca mensagens uma vez por semana e olhe la, eu nem acredito que um dia a nossa amizade volte, quanto mais a gente ficar ou coisas do tipo.
Mesmo com tudo isso, ela sempre viveu no meu coração.
Porem aqui vem a lição, meus amigos.
Há semanas atrás, eu consegui contato com uma garota que a gente não se via a muitos, muitos anos. Sabe aquela história de primeiro amor a gente nunca esquece? Esse foi meu segundo, e o que eu verdadeiramente nunca esqueci, eu sempre vou me lembrar do meu primeiro dia de aula numa escola completamente nova, e no fim do dia eu ainda todo perdido uma garota me puxa, me olha nos olhos e a primeira coisa que ela diz pra mim é: "Você namoraria comigo?". A resposta pra essa pergunta era não, obviamente, foi muito aleatório, mas eu estava tão nervoso que saiu "sim", ela deu um sorrisinho e voltou ao que tava fazendo. Desde aquele dia, Livia se aproximou cada vez mais de mim, e ela tentou me conquistar todos os dias, e acreditem em 2012/13 eu não era naada fácil.
E quando eu consegui falar com ela novamente, alguma coisa dentro de mim estalou, a gente voltou a conversar e era como se nada tivesse mudado, a gente conseguia desenvolver do mesmo jeito que a gente sempre fez, nem parecia que tinham 7 anos sem contato. A gente se viu algumas vezes(sim, eu sei que a gente ta de quarentena, todas as medidas de seguranças foram tomadas pra gente conseguir) e, cara, eu tinha me esquecido o que é olhar pra alguém que te olha como se você fosse uma obra prima, aquele olhar de quando éramos crianças não mudou nem um pouquinho, ela ainda olha pra mim como se eu fosse a pessoa mais legal do mundo.
Eu, com todos os meus defeitos, com todas as minha chatisses e meu jeito ""inteligente"" de ser, onde a lista de qualidades é exatamente igual a lista de defeitos, ela me vê como se fosse alguém muito mais do que incrível.
E eu olho pra ela assim também, e quando eu a olho, eu quero que ela sinta a pessoa incrível que eu vejo, uma pessoa que passou por inúmeros problemas pelo mundo afora e ainda passa, alguém que realmente foi a raiz do meu gosto pelas mulheres, que me ensinou que atitude é a melhor caracteristica possível em alguém, e que eu quero alguém com isso na minha vida, alguém que tenha coragem de me puxar pelo braço e dizer que me quer, alguém que queira os meus toques, alguém que querias os meus carinhos, as minhas massagens, os meus abraços, as minhas implicações, assistir animes ou séries comigo, beber comigo, aprender e viver todo tipo de experiências e situações. É isso que eu quero com ela também!
Esse é um pedacinho da minha odisseia, eu pedi a Deus, ao universo, a seja la o que for que estiver ai fora por nós, pra que 2020 seja um ano de apredizados e conquistas, 2020 foi o ano mais difícil da minha vida, onde por conta de um treinamento pra competição, da pandemia(home office) e tambem por causa de ter a Carol na minha cabeça, eu passei pela pior fase da minha vida, mas eu consegui correr atrás de ajuda a tempo(onde eu devo a minha vida a minha hipnoterapeuta, que mulher excepcional) e, no final dessa jornada, eu cresci muito e me tornei bem mais forte.
Muito obrigado, eu deixo aqui os meus agradecimentos a todas essas garotas, que me mostraram quem eu quero junto a mim e quem eu quero ser, a minha mãe que é a melhor mãe do mundo e, mesmo a gente se desentendendo as vezes, eu não resistiria sem ela, a minha hipnoterapeuta que consegue a façanha de me colocar em transe(hipnose ericsoniana é a melhor, sem dúvidas!) e que me ensinou muuuito mais lições do que eu teria aprendido em 20 anos da minha vida.
E principalmente, muito obrigado a mim mesmo, por ter aguentado até aqui, por nunca ter parado de ir pra frente mesmo pensando todos os dias em desistir, em jogar tudo pro ar, pensando até em coisas muuito, mas muuuuito mais escuras nos dias mais dificeis, mesmo assim nós estamos aqui, prontos para a proxima jornada, onde a gente vai sofrer, mas a gente vai aprender algo a respeito disso no final.
Se você chegou até aqui, meu caro amigo, eu só queria te contar a história de como eu descobrir o que, pra mim, é o amor. Amor é o que eu sinto quando olho pra alguém que também me devora com o olhar e as atitudes, amor não é toda a intensidade, todo o fogo, toda a loucura, não! Pode ser um pouco disso, mas principalmente, amor é reciprocidade, é você não ter que se esforçar em mudar 1001 coisas só pra agradar a pessoa, quem você ama e quem te ama de verdade gosta de você por ser quem você é, e é isso que eu quero pra minha vida, amar e ser amado!
Eu não sei se eu e Livia vamos ficar juntos, a gente deve descobrir mais a frente, mas eu sei que eu quero isso, e se o destino(ou o universo, ou deus...) não permitir que a gente fique junto, tudo bem, eu sei agora o que procurar, e que vai existir mais alguém que olhe pra mim do jeito que eu olho pra ela.
submitted by DanteStonecross to desabafos [link] [comments]


2020.09.04 02:39 AstronomerHopeful Olhando nos seus olhos

Olhando nos seus olhos eu te direi que não preciso namorar para ter a certeza que você é a mulher da minha vida; Sorrindo, vou te confessar que você me trás vida, alegria, felicidade... Tocando suas mãos vou sorrir e te perguntar se você aceitaria se casar comigo;
Enquanto você suspira não sabendo o que responder, eu sorrirei e te direi assim: Não posso perder um minuto da vida mais sem você. Porque agora, eu usarei muito bem minha agenda para aproveitar cada segundo ao teu lado. Se você dizer que é cedo, vou compreender. Se você disser que não, te amarei de longe, porque você merece ser feliz e não te prenderei porque quero o melhor para você.
Sofremos muito na vida, mas agora, não haverá mais espaço para dores, haverá espaço só para o nosso melhor: nós. É o que interessa. Cuidarei de você todos os dias. Você será amada de verdade, compreendida e cuidada.
Eu farei todos os dias café da manhã para vc. Quando vc estiver doente, cuidarei de vc. Quando vc estiver feliz, eu ficarei mais ainda. Dormiremos tarde acariciando um ao outro na nossa cama. Acordaremos cedo, rolando na cama e fazendo amor em plena segunda-feira.
Nossa casa será definitivamente um lar onde há amor, não um vazio sofisticado. Em cada canto deixarei para você cartas de amor. De vez em quando vc encontrará um presente escondido, comprado com muito carinho. Nas datas especiais seremos ótimos anfitriões. Amaremos nossas famílias e será uma única família. Nos sentiremos parte.
Nunca dividiremos despesas, porque seremos um. Nossas diferenças não existirão.
Nunca ficaremos velhos, podemos até ter algumas rugas muito em breve, mas te amarei do jeito que vc é com todos seus defeitos e qualidades. Teremos tempo de sobra para nos amar cada dia, cada momento e em cada segundo.
Nosso amor tem data para começar, mas não tem data de validade.
Eu te amo muito
submitted by AstronomerHopeful to desabafos [link] [comments]


2020.08.31 05:18 _powerguido_ Senta que lá vem história

Ficamos juntos por 5 anos. E não foram 5 anos fáceis - minha ex namorada teve problemas que eu não sabia como ajudar. Ela era literalmente stalkeada por um ex colega de classe que simplesmente se apaixonou por ela e passou mais de dois anos perseguindo ela no trabalho, no mestrado, na academia. Chegou a conspirar com colegas da faculdade pra saber onde ela estava, quem eram as pessoas próximas dela. Tentou rapta-la, mais de uma vez. Subornou familiares para ficarem do lado dele. Pra ela, ele era só um cara que não sabia expressar os sentimentos bem. Se ele parou? Não. Mas reduziu a agressividade consideravelmente e hoje em dia se limita à "só" mandar um buquê de rosas no aniversário dela.
O cara já estava tão enraizado na vida dela antes de eu aparecer, que eu simplesmente não consegui convencer nem mesmo a minha ex de que ele era um cara realmente transtornado. O terror que era esse cara na vida dela só serviu pra agravar ainda mais o caso grave de ansiedade que ela tem. Vocês sabem o que é ver uma crise de ansiedade pela primeira vez, sem nem entender o que estava acontecendo? Mas uma crise grave mesmo, de fazer a pessoa chorar por duas horas sem parar, de ficar arranhando o corpo todo com as unhas e viver com hematomas nos membros do corpo por causa disso. E isso começou a ficar constante... uma hora eram uns arranhados no rosto, depois nas pernas. Até o dia em que eu fui ver ela e os dois antebraços estavam quase em carne viva.
E o pior, é que eu quase nem me lembro mais dessa época. Foi muito intenso e me afetou negativamente por muito tempo. Eu conseguia entender que um babaca machista se via no direito de perseguir uma mulher só porque ela não queria namorar com ele - mas meu deus do céu, eu com certeza não conseguia entender como ela mesma não via o quanto ela precisava de uma ajuda profissional por causa da influência negativa desse cara na vida dela (e por vários outros motivos que não valem nem a pena serem citados). Ela me usava como substituto pra tudo que ela não tinha na vida dela - um pai, um irmão, um psicólogo, um amigo. E eu me deixei levar, porque era ingênuo. Porque era meu primeiro namoro. Porque eu achava que eu podia consertar isso. "Depois das primeiras sessões no psicólogo ela vai perceber que esta fazendo bem pra ela", eu dizia pra mim mesmo. Passamos em tantos psicólogos, psiquiatras, gurus. Fizemos academia juntos, eu praticamente morava com ela e não ficava mais com minha família. Eu achava que eu podia dar um jeito na vida daquela menina.
E sinceramente? Eu podia mesmo. Eu não acho que falei alguma coisa errada pra ela em todo o tempo que estávamos juntos. Mas ela nunca me ouvia. E se ela ouvisse, talvez ela tivesse passado por essas situações com mais facilidade, nosso relacionamento teria tomado outros rumos e nós ainda estaríamos juntos. Mas não estamos, e quem está perdendo com isso é ela, porque ela não me superou com certeza. Ela mesma me fala isso.
Eu não acho que eu era um namorado incrível e maravilhoso. Eu nunca tive um carro pra conseguir dar um rolê com ela. Com meu dinheiro mal dava pra gente ir no cinema uma vez por mês. Mas cara, eu me esforçava tanto, tanto mesmo. Lembro que eu um dos dias dos namorados eu quase varei a noite fazendo uma carta à mão de umas 10 páginas, tinha vários desenhos coloridos, poemas apaixonados e promessas de amor. Ela achou ok. Gostou mais do bicho de pelúcia que eu também dei, que custou 10 reais e que claramente não tinha nenhum valor sentimental pra mim. É muito difícil lidar com um cara que persegue sua namorada, mas acho que é mais difícil quando sua própria namorada não dá valor pra como você expressa seu amor por ela.
Mas você leitor deve estar pensando "Mas você disse isso pra ela?" E a resposta é sim. Eu sempre fui sincero com ela, se algo me chateava, eu dizia. Nada do que eu estou escrevendo aqui é algum segredo pra ela. E eu achava que ela ia trabalhar essas informações pra criar um relacionamento mais confortável pra mim e pra ela. Mas ela escolheu ignorar.
Mas o motivo de eu estar escrevendo tudo isso mesmo na verdade é outro. A gente terminou, mas foi razoavelmente tranquilo e decidimos continuar nos falando. Nós dois somos adultos, não é porque discordamos de alguns pontos que precisamos deixar de apreciar a companhia um do outro pra todo o sempre.
E é aqui que sou obrigado a voltar pro começo do nosso namoro. Porque apesar de termos iniciado o namoro cada um com mais de 30 anos, perdemos a virgindade juntos. Crescemos sexualmente juntos. Aprendemos tanto juntos! Eu mais ainda, visto que era meu primeiro namoro. E eu reclamei muito aqui da minha ex (e ela realmente tem os defeitos muito marcantes dela), mas eu também preciso admitir que ela em muitos momentos foi tão minha parceira, minha confidente, minha amada. Eu passei calado por todas as situações que eu já descrevi aqui e muitas outras tão ruins quanto porque, no fundo mesmo, pra mim estava valendo a pena. A gente tinha intimidade, apesar da dificuldade extrema dela de se abrir pra mim. Eu estava sacrificando meu bem estar mental e físico para sustentar o nosso relacionamento.
Tanto que só perto do final do nosso relacionamento que ela assumiu pra mim a atração por outras mulheres. Eu entendo ela, tem gente que não reage bem à isso. Eu tenho certeza que a família dela não reagiria nada bem. Entendo que era um segredo que ela queria deixar só pra ela, e que mesmo com toda a intimidade sexual que a gente tinha, ela também tem o direito de manter coisas só pra ela. É justo.
Só que eu não fiquei com raiva, nem com medo de ela querer me trocar por uma mulher, nem tive essa ideia fetichizada de transar com duas mulheres ao mesmo tempo. Eu sou um cara hétero, mas eu acho o amor lésbico de uma sensibilidade e de uma beleza inexplicável. Eu sempre me sinto mais seguro perto de mulheres, sempre me conecto mais com elas. Desde pequeno eu gosto da presença feminina. Então a ideia de duas mulheres partilhando um relacionamento, parece uma coisa quase mágica pra mim. E de novo, não é nada sexual nem fetichizado, eu realmente só acho muito bonito mesmo. Então qual foi minha reação quando descobri que minha ex tinha vontade de viver isso que eu acho tão incrível? Incentivei ela à correr atrás disso.
Mas é claro que ela, criada numa família extremamente católica, iria simplesmente sair atrás de uma guria do dia pra noite. Foram meses de conversa, de aceitação da parte dela também, de entender que ela não era uma aberração da natureza porque sentia atração pelo mesmo sexo (e também pelo sexo oposto). Nossos últimos meses juntos foram repletos de muitas conversas relacionadas ao mundo LGBT+ e afins. Acho que nós dois também já sabíamos que as coisas não estavam mais super bem entre nós, e que era questão de tempo até a gente se separar. Nosso relacionamento estava bem desgastado mesmo. É estranho porque a gente consegue ser extremamente forte pra parceira quando ela precisa ir correndo pro hospital, ou tem uma crise de pânico, ou não se sente segura na rua e precisa que você pare o seu dia para fazer companhia à ela - mas parece perder a motivação quando essas situações se normalizam e você percebe que talvez aquela pessoa simplesmente não tem a proatividade de te mandar uma mensagem perguntando "como foi seu dia", e de alguma forma sempre está online no whatspp. Sim, nosso relacionamento acabou. E foi bom ter acabado. Eu precisava desse término, muito mais do que eu precisava de uma namorada.
Mas também é muito bom saber que aquela pessoa por quem você passou anos cultivando um sentimento também está vivendo a vida dela. É bom saber que dá pra gente marcar um dia pra devolver as roupas dela que ficaram aqui em casa, sem drama, sem dor de cabeça. Ela foi muito madura no término, eu também. De certa forma nosso namoro acabou, mas continuou como uma amizade - bem menos intensa, bem menos problemática, bem mais fácil de lidar. Mas também sem as partes boas, sem aquela sensação de que se está ajudando a pessoa. Mas é muito mais do que milhares de pessoas separadas têm hoje em dia. Não posso reclamar, eu tenho muita sorte.
Eu só queria mesmo poder partilhar com ela a experiência da descoberta homoafetiva dela. O que não vai acontecer, já que ela já deixou claro que não é obrigada a revelar nada da vida pessoal dela agora que nosso relacionamento terminou - e ela tem total razão nisso. Eu sei disso, eu concordo com isso, e ao mesmo tempo eu acho que ela está sendo tão injusta por me negar esse fato.
Eu sei que não justifica, mas eu me dediquei tanto ao nosso antigo relacionamento juntos. Tive que entender que eu não estava mais sozinho no mundo, eu tinha alguém pra dividir o mundo comigo. Eu tive que aprender a baixar minha guarda, contar o que me dava medo, me expor totalmente à alguém, me desconstruir inteiro. E isso é muito difícil pra mim. Eu sei que ela não me deve nada, e eu sei que eu sou um idiota por me apegar tanto à esse motivo tão besta. Mas isso é realmente importante pra mim. Tem uma coisa dentro de mim que é ansiosa em saber se minha ex está se sentindo acolhida por uma outra mulher, se teve uma boa primeira experiência. De novo, eu sei que soa muito trivial, mas é uma verdade tão grande dentro do meu coração que me faz querer chorar quando lembro que isso nunca vai acontecer.
E não tem nada que eu possa fazer a não ser aceitar. E é exatamente isso que eu venho tentado fazer, pelos últimos 6 meses.
submitted by _powerguido_ to desabafos [link] [comments]


2020.08.29 10:26 scdbys minha história de superação?

boa noite pessoal, tudo bem com vocês? espero que sim. então quero apenas contar minha história de amor e tentar reunir alguns conselhos!
em março de 2019 eu conheci o amor da minha vida, sim foi amor a primeira vista! na época eu tinha 16y e ela 15y (hoje eu com 17y e ela 16y). começamos a ficar sério em julho e a namorar em dezembro e em fevereiro deste ano ela me pediu um tempo, e um mês depois (março) ela terminou comigo. eu nunca amei alguém como eu amei ela, para mim ela era a mulher perfeita! tinha uma conversa boa, um sexo maravilhoso, uma família que eu me dava super bem e uma companhia inigualável. sei que não fui o que ela sempre sonhou, muito menos um namorado bom, eu sempre fui muito imaturo em todas as decisões (talvez por ser meu primeiro relacionamento), e tudo desandou em um término precoce :( logo em março quando ela terminou comigo, eu perdi meu chão, eu estava louci e comecei a fazer terapia 2 vezes por mês, como não estava dando resultados agora em junho, fui diagnosticado com um quadro inicial de depressão, comecei a tomar antidepressivos e creio que estou melhorando. mas meu problema está aqui: NÃO CONSIGO ME ADAPTAR A UMA NOVA COMPANHIA! já sai com 3 garotas desde o término, foi tudo muito estranho e desconfortável, principalmente quando uma dessas garotas veio aqui na minha casa (FOI HORRÍVEL), meu corpo estava louco, pedindo socorro para ela ir embora e eu poder chorar sozinho. enfim, passou! e cá estou eu novamente. hoje (29/08) irei para a casa de uma antiga amiga minha, pois ela me chamou, espero que tudo ocorra bem :), iremos beber e fazer um churrasco! realmente espero que tudo volte a ser como era antes, eu só quero ser feliz.
obrigado a vc q leu até aqui, se quiser me dar algum conselho, por favor, fique à vontade :)
submitted by scdbys to desabafos [link] [comments]


2020.08.29 03:03 leob0505 Essa última semana fiz mais de 300 dias sem assistir pornografia nenhuma

Nada contra com quem assiste, só que isso me afetou muito minhas relações com outras pessoas, e considero o problema que eu tive no passado de simplesmente não conseguir namorar ninguém pela forma como eu enxergava as mulheres e relacionamentos em geral nos olhos das cenas de filmes pornôs. Hoje sou muito mais feliz com isso, e eu vejo como as mulheres e as pessoas em geral são incríveis!
submitted by leob0505 to desabafos [link] [comments]


Mulher que procura homem em Angola VANTAGENS DE NAMORAR UMA MULHER - YouTube SOBRE NAMORAR MULHER SENDO MULHER Como namorar mulheres negras - YouTube Nunca Peça Uma MULHER EM NAMORO! 5 DIFERENÇAS ENTRE NAMORAR UMA MENINA E UMA MULHER - YouTube Pedi minha amiga em namoro e olha o que aconteceu... - YouTube Mulher procura homem pra namorar... NAMORANDO UMA MULHER GORDA - YouTube MULHER PEDINDO MULHERES EM CASAMENTO - YouTube

10 motivos para namorar uma mulher mais nova - Ricardo Coiro

  1. Mulher que procura homem em Angola
  2. VANTAGENS DE NAMORAR UMA MULHER - YouTube
  3. SOBRE NAMORAR MULHER SENDO MULHER
  4. Como namorar mulheres negras - YouTube
  5. Nunca Peça Uma MULHER EM NAMORO!
  6. 5 DIFERENÇAS ENTRE NAMORAR UMA MENINA E UMA MULHER - YouTube
  7. Pedi minha amiga em namoro e olha o que aconteceu... - YouTube
  8. Mulher procura homem pra namorar...
  9. NAMORANDO UMA MULHER GORDA - YouTube
  10. MULHER PEDINDO MULHERES EM CASAMENTO - YouTube

Seja membro do nosso canal: https://www.youtube.com/fripolter/join Seja membro do nosso canal: https://www.youtube.com/fripolter/join INSTA Flávia 📷 http://i... E então o esperado aconteceu! Você está namorando uma mulher negra. Mas, e agora? Como faz? Inscreva-se no Monique que Disse. Seu “curtir” e, principalmente,... Mulher procura homem pra namorar... Tudo Grátis e Completo De tudo um pouco ... Mulher abandonada pelo marido dá exemplo de vida em cuidar da família sozinha - Duration: 3:19. Linha Dura ... Entre em contato por: [email protected] Adquira o Batom Jéssica Lopes para Tblogs: https://www.tblogsshop.com.br/batom-jessica-lopes-matte.html Br... Titica esclarece o por quê do verso: “Não quero homem que vira mulher” em sua nova musica - Duration: 1:39. PlatinaLine 351,871 views. 1:39. Jardas ft Angola - Duration: 0:31. Hoje contamos pra vocês quais são as vantagens que nós notamos por namorar uma mulher. O video é apenas entretenimento kk APRENDA A DESENHAR ANIMES!! http://bit.ly/2pBuFtJ http://bit.ly/2pBuFtJ http://bit.ly/2pBuFtJ Há diversas atitudes que diferenciam uma menina de uma mulher... Nunca Peça Uma MULHER EM NAMORO! Emerson Bhering. Loading... Unsubscribe from Emerson Bhering? ... Namorar Com Uma Mãe Solteira - Duration: 14:21. Social Arts 87,122 views. 14:21. Instabridge para Android: https://goo.gl/tqdBZb Instabridge para Apple: https://goo.gl/n2IiQ6 Instagram: https://www.instagram.com/oharaingrid Facebook: http... Inscreva-Se no botão vermelho aí de cima ou aqui em baixo Sou um sonhador me ajude a chega perto desse sonho ? ♥ https://www.youtube.com/redirect?v=uWgHV...